IGREJAS ILEGAIS NA MIRA DO GOVERNO

28

out

As igrejas ilegais, terão que se legalizarem juridicamente, e “os que insistem em realizar cultos sem autorização”, correrão o risco de serem fechadas.


Segundo o governo, “A legalização é indispensável, uma vez que permite ao Estado saber o objetivo de cada uma das igrejas, tendo em conta as leis do país, para impedir que modenominações religiosas subvertam os valores cívicos, morais e culturais do povo”.

Que susto tomariam a grande maioria de igrejas, principalmente evangélicas, se essa notícia fosse para o Brasil. Algumas arrecadam milhões em dízimos e ofertas e tem chamado a atenção do governo.  A notícia acima vem de Huambo (Angola). As igrejas ilegais, terão que se legalizarem juridicamente, e “os que insistem em realizar cultos sem autorização”, correrão o risco de serem fechadas. A intenção do Governo aplicar rigorosamente sansões, previstas na lei, para “desencorajar a proliferação de atividades religiosas ilícitas nesta província”. (Fonte: Angola Press) pode ser encontrado em http://www.portaluniversogospel.com.br/igrejas-ilegais-em-angola-estao-na-mira-governo/

 

Se o islamismo se expandiu em Angola e na África, várias denominações e igrejas também cresceram neste continente sofrido e repleto de crendices e bruxaria, que nada tem a ver com cultura. Muitas levaram o verdadeiro Evangelho de Jesus, outras aumentaram a ainda um misticismo absurdo de crendices que choca o coração. Veja o vídeo que segue com crianças acusadas de bruxaria na Nigéria.

 

Além de ser inscrita no CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas), as igrejas têm de ter Alvará de funcionamento de responsabilidade da Prefeitura. Se acontecer algum acidente e a igreja não for legalizada a punição é severa e responsabilizará diretamente o pastor, pastora e seus líderes. Fica aqui o alerta para a maioria de igrejas no Brasil que estão ilegais.

 

As igrejas de acordo com a Lei do Novo Código Civil 1.194, “… deve conservar toda escrituração, correspondência e demais papéis concernentes à sua atividade, enquanto não ocorrer prescrição ou decadência no tocante nos atos neles consignados”. É triste saber que a maioria de igrejas não tem CNPJ e não tem Alvará. Não oferecem segurança aos seus membros, funcionam em lugares impróprios e sem condições.

 

A Contigrejas está de braços abertos para ajudar todas as igrejas a saírem da ilegalidade e darem um bom testemunho. Seja Bem-vindo à Contigrejas! Uma plataforma simples, segura e econômica para que você faça a contabilidade da sua igreja. E Por um valor acessível para todos.

A Contigrejas é especializada em contabilidade para igrejas. Acesse a nossa plataforma e veja nossas propostas

 



Comente: