A PORTA QUE SÓ PODE SER ABERTA POR DENTRO

03

mar


 

Num reino antigo, um condenado, antes de ser executado, tinha a oportunidade da liberdade, caso conseguisse encontrá-la. Era o seguinte: O condenado era trancado na cela até o dia seguinte. Ele teria mais ou menos 12 horas para encontrar uma única saída. Ao ser trancafiado na cela, o rei chegava a ele através de uma pequena portinhola na parte de cima da porta da cela, e dava ao condenado as coordenadas da possível liberdade. Após a palavra do rei ele poderia se empenhar na busca de uma única saída. Se ele a encontrasse estaria livre da morte.

Após o rei fechar a porta, o condenado começou a procurar frenética e desesperadamente a saída. Observou que havia uma pedra solta na lateral. Como uso de um pedaço de pau ele cavou e soltou a pedra. Estaria livre! Imaginou! No entanto, caiu em outra cela. Voltou para a cela anterior e procurou outra saída. Desta vez ele tentou por cima. Empilhou mesa e cadeiras chegando em cima quebrou o teto e saiu, viu as estrelas, sentiu o ar fresco e novamente se frustrou. Estava numa torre com mais de 50 metros de altura, e por mais que rasgasse lençóis para fazer uma corda não chegaria nem a metade da altura.  Voltou novamente para a cela. Falou consigo mesmo:

─ Já tentei por tantos lugares, só não tentei ainda para baixo.

Novamente uma pedra solta, cavou,cavou, e cavou. Enfim conseguiu soltar e puxar a pedra para cima. Nova frustração. Havia um poço cheio de crocodilos esfomeados.

O dia amanheceu, ele extenuado, ferido, desanimado, ouviu o rei abrir a pequena portinhola, e dizer para ele:

─ Parece-me que você seguiu pelos mesmos caminhos que tantos outros seguiram sem encontrar a saída. Assim como os outros, você não procurou no lugar mais simples, mais fácil, a própria porta. Essa cela que você foi trancafiado, não há como abrir por fora, somente por dentro. Era só você levantar o fecho e sair. Esta porta, depois de trancada, só pode ser aberta por dentro.

A liberdade estava ali, tão perto, tão simples, tão fácil, mas ele jamais poderia imaginar que abrir a porta dependia somente dele.

Abrir a porta só depende de você: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei e cearei com ele, e ele comigo”, (Apocalipse 3.20)

Abra a porta da sua vida, do seu coração, há alguém que está batendo, querendo entrar, tornar-se íntimo seu, ceiar com você, fazer diferença. Lembre-se, A PORTA SÓ PODE SER ABERTA POR DENTRO.

 

Pr. Roque Carvalho



Comente: